Entretenimento

A tensão psicológica de Fragmentado

| 26 de junho de 2017

Casey, Claire e Marcia são três adolescentes que foram sequestradas por Kevin em um estacionamento. Enquanto são mantidas em cativeiro, as jovens começam a perceber que o homem possui múltiplas personalidades – 23, exatamente – e é capaz de alterná-las com a força do pensamento. No decorrer da história, elas fazem de tudo para escapar dessa prisão inconstante.

Kevin Wendell Crumb é interpretado por James McAvoy, o qual soube representar muito bem o distúrbio que o personagem enfrenta e que resulta em suas diversas personalidades. Devido a isso, Kevin assume vários papéis: Barry é um jovem homossexual que estuda moda, Dennis é um homem sério que possui TOC e é obcecado por limpeza, Patricia é uma fanática religiosa, Hedwig é uma criança de 9 anos… Essa é apenas uma pequena parcela dos vários personagens que vivem dentro do corpo de Kevin. O trabalho de McAvoy, portanto, pedia uma imensa flexibilidade artística, a qual o ator soube atender perfeitamente. Em poucos instantes, percebíamos sua feição mudar de loucura à ingenuidade.

Durante a trama, somos apresentados à Dra. Fletcher, uma psicóloga que acompanha o tratamento de Kevin e que acaba envolvendo-se com o estudo desse distúrbio. Outra personagem de grande destaque é Casey, uma das adolescentes sequestradas. Vários flashbacks da infância da menina aparecem durante o filme, mostrando principalmente o momento em que ela aprendeu a caçar e a relação com seu tio.

O clima sinistro e extremamente tenso psicologicamente faz o filme atrair a atenção do espectador durante todo o tempo, intrigando-o e provocando questionamentos quanto ao desfecho. O diretor Shyamalan já anunciou que o filme terá uma continuação, que está prevista para 2019.


E você, o que achou do filme? Envolvente ou decepcionante? Me conta =)

Ir para Post

Entretenimento

7 filmes para assistir na véspera de Natal

| 23 de dezembro de 2016
A época mais linda do ano está chegando e eu preparei um post especial pra curtir essa data! Chame a família, faça a pipoca e prepare-se para curtir 7 filmes clássicos de Natal!
ESQUECERAM DE MIM (1990)
Kevin faz parte de uma grande família de Chicago que decide passar o Natal em Paris. Entretanto, o garoto de 8 anos acaba sendo esquecido em casa e, além de se virar sozinho, ele precisa defender a casa de dois ladrões atrapalhados.
 
O GRINCH (2000)
Grinch é uma criatura verde que odeia o Natal. Para impedir que a população de Quemlândiacomemore essa fata festiva, ele cria o seguinte plano maligno: invadir várias casas e roubar tudo que esteja relacionado ao Natal. Entretanto, seu esquema tem tudo para dar errado quando conhece Cindy Lou, uma jovem menina que quer descobrir o verdadeiro significado do Natal.
 
MILAGRE NA RUA 34 (1994)
Susan é uma criança de seis anos que, apesar de ouvir histórias sobre o Papai Noel, nunca acreditou que ele realmente existia. Certo dia, ela o encontra em uma loja de departamentos e começa a acreditar que, no fim das contas, os sonhos se tornam reais quando você realmente acredita.
 
UM DUENDE EM NOVA YORK (2002)
Buddy é um homem que se transforma em um elfo. Isso lhe causou problemas no local onde vive, o que faz com que ele se mude para Nova York a procura de seu pai, Walter. Ao encontrá-lo, logo se decepciona: Buddy descobre que seu pai não acredita em Papai Noel.
 
EXPRESSO POLAR (2004)
Billy está acordado na véspera de Natal e já não vê mais motivos para acreditar no Papai Noel. De repente escuta um barulho e se depara com um trem gigantesco na porta de sua casa, o qual tem como destino o Pólo Norte.
 
OS FANTASMAS DE SCROOGE (2009)
Ebenezer Scrooge é um milionário velho e rabugento que odeia o Natal. Certo dia recebe a visita de três fantasmas do Natal: do passado, do presente e do futuro. Eles o farão refletir sobre suas escolhas e sentimentos.
 
O ESTRANHO MUNDO DE JACK (1993)
Jack é uma criatura fantástica que vive na Cidade do Halloween, a qual passa todos os anos organizando a festa de Halloween. Cansado dessa rotina, ele larga a cidade e atravessa o portal do Natal, onde o espírito natalino deixa a energia do local totalmente diferente. Decidido a levar esse espírito do Natal à Cidade do Halloween, Jack sequetra o Papai Noel e pretende fazer seu próprio Natal. 

Ir para Post

Entretenimento

Bonequinha de Luxo: um clássico para recordar

| 29 de junho de 2016

Quem nunca pensou em tomar o café da manhã em frente à joalheria Tiffany&Co da 5aAvenida, que atire a primeira pedra. Inspirado no livro Breakfast at Tiffany’s, do escritor Truman Capote, o filme Bonequinha de Luxo estreou em 1961 e continua sendo um clássico até hoje. A brilhante atriz Audrey Hepburn tornou-se um ícone ao interpretar Holly Golightly, uma acompanhante de luxo de Nova York que tem o sonho de casar-se com um milionário. Para tentar esquecer dos problemas, ela vai todos os dias à Tiffany&Co e toma seu café da manhã olhando para as vitrines recheadas de joias. Certo dia, Holly conhece o escritor Paul, um vizinho que irá se tornar um grande amigo. A personagem interpretada por Audrey é o grande destaque do filme. Holly é doce, ingênua e sonhadora. É uma jovem mulher que, apesar de buscar um marido rico, guarda seu lado romântico dentro de si. Inicialmente a personagem seria estrelada por Marilyn Monroe. Porém, após alguns problemas com a atriz, o papel foi oferecido à Kim Novak. Por fim, foi Audrey Hepburn que acabou interpretando a personagem com muito charme.

 Agora me conta: você já assistiu ao filme? O que achou?!

Ir para Post

Entretenimento

O Silêncio dos Inocentes

| 11 de maio de 2016

“O Silêncio dos Inocentes” é um clássico do cinema norte-americano. Lançado em 1991, o filme aborda uma trama que promete mexer com o psicológico de qualquer um.

Após cinco mulheres serem brutalmente assassinadas, a agente estagiária do FBI Clarice Starling (Jodie Foster) fica responsável por encontrar o assassino, conhecido como Buffalo Bill e que arranca a pele de suas vítimas. Para isso, ela entrevista o Dr. Hannibal Lecter (Anthony Hopkins), um psiquiatra encarcerado por canibalismo, mas que tem uma mente brilhante e promete ajudá-la nesse desafio. Quanto mais Starling se aprofunda na investigação, mais se aproxima do perigoso Dr. Lecter, considerado o assassino mais inteligente e controlador que já existiu.

O filme é um verdadeiro terror psicológico e o destaque vai para o ator Anthony Hopkins, que consegue interpretar o serial killer Dr. Lecter com grande maestria. Todo esse sucesso garantiu cinco Oscars ao filme: melhor filme, melhor atriz, melhor ator, melhor diretor e melhor roteiro adaptado. Baseado no best-seller mundial de Thomas Harris, “O Silêncio dos Inocentes” é um clássico de suspense que cativa as pessoas de todas as gerações.

Apesar de ser considerado um filme de terror, “O Silêncio dos Inocentes” traz um suspense super envolvente, com uma história interessante por trás. Assistam!

Ir para Post

Entretenimento

Spotlight e o jornalismo investigativo

| 17 de fevereiro de 2016

Boston, 2002. Um grupo de jornalistas do jornal The Boston Globe começa a investigar supostos casos de pedofilia dentro da arquidiocese de Boston. Conforme a investigação vai se aprofundando, eles acabam descobrindo que a própria Igreja Católica tentou encobrir esses casos e pressionava o jornal, que aceitava com medo de perder grande parte dos seus leitores. O buraco é muito mais fundo e a lista de vítimas não para de crescer, o que aumenta ainda mais a responsabilidade dos jornalistas em trazer o escândalo à tona. 

O elenco do filme é poderoso. Grandes nomes como Mark Ruffalo (Hulk dos Vingadores), Michael Keaton (Birdman) e Rachel McAdams (Diário de uma Paixãofazem parte do time de jornalistas retratados. O roteiro é outro ponto positivo, já que faz com que o espectador sinta-se preso e interessado em saber o final. 

Na história, podemos ver com detalhes como funciona o jornalismo investigativo. O Spotlight, nome do grupo de jornalistas que faz as investigações, é um setor separado do jornal que faz matérias mais completas e, muitas vezes, sigilosas. O estudo pode demorar meses para ser concluído, já que requer uma busca profunda e exata por provas e testemunhas. 

 E vocês, já assistiram? Garanto que vale a pena – e não é só porque sou estudante de jornalismo, viu?! 

Ir para Post