3 maquiagens da Kylie Jenner para se inspirar

Continue lendo

Bruxelas, o coração da Europa

Continue lendo

Quais blogs eu ainda acompanho?

Continue lendo

Como entrei de graça nos pontos turísticos de Paris

Continue lendo
Minha coluna dói

No mundo da Lua

| 31 de julho de 2019

Sempre tive um certo fascínio por viagens espaciais, astronautas, foguetes… Criança na década de 70, nem podia ser diferente.

E minha maior dúvida nessa época nem era pensar em como o homem havia chegado à Lua, mas sim em como ele havia conseguido sair de lá. Afinal, em minha visão infantil, era difícil entender que para “sair” da Terra era necessário um complexo sistema de foguetes que iam se desmontando pelo caminho e que depois não fariam falta na volta.

Esse mês comemora-se os 50 anos da conquista da Lua. E depois de muito tempo, a humanidade volta a pensar em novos projetos espaciais e seus reais benefícios. É interessante ouvir algumas pessoas que ainda acham que os altos investimentos nessas iniciativas nunca fizeram sentido ou teriam sido apenas caprichos de governantes. Será mesmo?

Você usa celular? Com GPS? Pratica esportes com roupas do tipo “dry-fit”?

Gosta de ver robôs desativando bombas em vez de seres humanos?

Já consumiu alguma comida desidratada ou deu “papinha de bebê” ao seu filho?

Se respondeu sim a qualquer dessas perguntas, sem dúvida, se beneficiou de inovações advindas desses projetos. E isso é apenas uma parte bem pequena.

Nossos automóveis utilizam várias tecnologias nascidas ali. A área médica e odontológica precisou evoluir de maneira impressionante para pensar em como atender os astronautas à distância. E com certeza a indústria de TI não seria a mesma sem esse “empurrão”. Ainda que durante os anos de Guerra Fria houve muita motivação bélica, é inegável o avanço que conquistamos em função desses desafios.

E agora já podemos pensar na possibilidade de ser “quase” um astronauta. Empresas privadas (SpaceX e Blue Origin) estão evoluindo essa possibilidade e aí, quem sabe então, eu possa finalmente não só entender como “se volta” da Lua, mas até também dar meus pulinhos lá…


Todos os posts da categoria MINHA COLUNA DÓI foram escritos por meu pai, Antonio Carlos. Perguntei se ele queria uma coluna aqui no blog para escrever textos dos mais diversos assuntos; ele topou. O nome já é mais do que sugestivo, né?

Ir para Post

Lifestyle

10 ideias de decoração com lembranças de viagem

| 27 de julho de 2019

Se viajar é uma das maiores delícias do mundo, trazer um pouquinho daquele lugar para casa é tão incrível quanto. 

A maioria das pessoas que viajam gostam de trazer objetos de recordação – entradas de museus, tickets de metrô, pedrinhas da praia, globos de neve, ímãs de geladeira. São muitas opções e cada um encontra o que mais gosta! Para ajudar você que coleciona itens diversos e quer torná-los parte da decoração, trouxe inspirações criativas que vão destacar muito além dos objetos, mas as memórias que criamos ao viajar!

Meu irmão ama colecionar placas de carros e variações, por isso planejamos uma parede inteira do seu quarto apenas para colocá-las – a foto é só um recorte, porque tem muito mais! Ele compra em viagens, mas também gosta de misturar com outras aleatórias de temas que gosta, como a da Coca Cola e a de pipoca.

Se tem uma coisa que não fica de fora em qualquer viagem são canecas. A coleção da minha mãe é gigantesca e, contando aqui por cima, já passou de 50! Ela deixa todas expostas em prateleiras e nós nunca usamos para beber, apenas como decoração. Vou gravar um vídeo com ela mostrando as favoritas de sua coleção, que tal?

Outro item que colecionamos aqui em casa são lápis. Meu pai compra um em cada cidade, museu ou atração que vai! É uma ideia bem interessante se você busca uma recordação mais em conta e que tenha uma utilidade. 

Minha coleção de chaveiros fica dentro de uma gaveta mesmo, mas gosto de ficar variando os da chave do carro, de casa…  Outra ideia legal é pendurá-los em uma moldura de metal e deixá-los expostos. Além de ser útil, é esteticamente bonito!

Essas são apenas as coleções que fazemos aqui em casa. Existem muitas outras opções, então segue mais ideias:

Como você guarda suas recordações de viagens?

Ir para Post

Comportamento

Big Little Lies e Budismo | Updates #3

| 18 de julho de 2019

PLANEJANDO…

Uma viagem de apenas um fim de semana. Esse momento da vida em que trabalhamos e estudamos ao mesmo tempo é praticamente impossível conseguir tirar vários dias para viajar, então tô me organizando dentro do possível – no caso, só um fim de semana kkkk. Buenos Aires é o destino mais cotado da lista, porque não precisamos de muitos dias para conhecer e fica pertinho de São Paulo… Compartilho aqui quando tiver mais novidades sobre isso, porque segue no planos das ideias! rsrs

ASSISTINDO…

The Handmaid’s Tale. Toda semana sai um episódio novo da terceira temporada e a série fica cada vez melhor! A trama é envolvente e traz uma super reflexão sobre nossa sociedade – eu inclusive escrevi sobre isso nesse post aqui. Outra série que viciei nesse último mês foi Big Little Lies. Eu sempre ouvi falar muito bem, mas só dei uma chance pra ela agora e virou uma favorita! O elenco conta com Reese Whiterspoon, Nicole Kidman, Shailene Woodley, Meryl Streep… Só nomes de peso! Garanto que a história vai te prender.

LENDO…

Budismo para Leigos. Sempre tive curiosidade em conhecer mais sobre o budismo. Me identifico com algumas crenças e agora estou estudando, aos poucos, sobre a filosofia. Parte do meu interesse veio da Monja Coen, que eu comecei a acompanhar no YouTube alguns anos atrás e já assisti uma palestra ao vivo. Ela é pura luz e sabedoria! Talvez isso tenha despertado uma parte dentro de mim que estava à procura de alguma “religião” que me representasse no atual momento de vida. 

OUVINDO…

Elton John sem parar! Fui ao cinema assistir Rocketman e tive uma sessão nostalgia: me lembrei da infância, quando ouvia os milhares de CDs que meu pai colecionava. Conheci Elton John ali e assistir ao filme foi como voltar naquela época. 

Conta pra mim: o que você tá assistindo, lendo, amando nesses últimos tempos?

Ir para Post

Gastronomia | Viagens

O melhor fish&chips da Inglaterra fica em Bath

| 14 de julho de 2019

Eu diria que fish and chips é a comida mais emblemática da Inglaterra. Quase todos os restaurantes servem porções do tradicional peixe com batatas fritas – o peixe geralmente é bacalhau, mas não da maneira que comemos aqui no Brasil, isso porque ele é dessalgado para depois ser frito. Alguns oferecem acompanhamentos extras e eu sugiro que você dê uma chance ao purê de ervilha – é delicioso!

Entre os vários restaurantes em que provamos o fish and chips, um se destacou: Hall & Woodhouse. Estávamos passeando por Bath sem qualquer indicação de restaurante quando nos deparamos com esse, movimentado e com comidas que pareciam deliciosas. Entramos e nossa aposta foi certeira.

fish and chips do Hall & Woodhouse custa £13,25, o que sai em torno de R$62. Como ele é bem servido e dividimos em duas pessoas, o valor sai bem em conta. Além das batatas e do purê de ervilha, o prato também acompanha um molho tártaro – fica divino com o peixe!

Minha mãe, que não curte muito batata, amou as do Hall & Woodhouse e disse que provavelmente eram as mais gostosas que já havia provado na vida! Eu assino embaixo para confirmar: elas são realmente muito boas e vale a visita se você estiver em Bath.

Hall & Woodhouse Bath 1 Old King Street

Clique aqui e leia mais dicas da INGLATERRA!

Ir para Post

Beleza

Maquiagem favorita com sombra rosa

| 11 de julho de 2019

Todo mundo tem ao menos uma maquiagem que faz você se sentir confiante, bonita e poderosa, né? A minha é essa! A sombra rosa é uma descoberta recente e que já se tornou uma favorita na penteadeira. Nesse vídeo, mostro como eu faço o olho colorido com apenas uma só sombra e, ao complementar com os outros produtos, se transforma em uma super maquiagem! 

Qual é a sua maquiagem favorita e que faz você se sentir confiante? Me conta!

Ir para Post