Gastronomia

Receita de Natal: Panetone Naked!

| 11 de dezembro de 2018

Já entramos em clima de Natal por aqui! Nesse vídeo, ensino como fazer uma receita super simples – mas deliciosa! É um panetone naked, recheado com muuuuuito brigadeiro tradicional e coberto com brigadeiro de leite ninho. Ficou um absurdo de bom!

Quer aprender a fazer comigo? Aperta o play!

Clique aqui e veja mais vídeos no meu canal do YouTube!

Ir para Post

Gastronomia

Cinco sabores de panetone para inovar no Natal

| 29 de novembro de 2018

E eu declaro aberta a temporada de Natal! Tem época mais gostosa (literalmente) que essa? Além de amar a vibe especial desse momento do ano, eu sou completamente apaixonada por panetones!

Meu favorito sempre foi o panetone com gostas de chocolate (aka chocotone), que é clássico e todo mundo já comeu um dia. Mas tem tantas versões variadas, com sabores super diferentões, que decidi trazer aqui cinco sabores de panetone para você que quer inovar neste Natal!

1. Casa Bauducco Chocottone com Pistache: A clássica massa de panetone recebe gotas de chocolate e um creme de pistache com cobertura de chocolate e pedacinhos de pistache. A embalagem de 770g vem em uma lata linda para dar de presente e sai por R$ 89,90.

2. Arcor Panettone Premium Sonho de Doce de Leite: A linha premium da Arcor sugere o consumo do panetone levemente aquecido e servido com o acompanhamento que preferir (nesse calor, uma bola de sorvete cai bem, né?). O preço sugerido é de R$ 21,99 para a embalagem de 530g.

3. Romanato Panettone Pão de Mel: Disponível em uma versão de 400g por R$20, o lançamento da Romanato traz um panetone sabor pão de mel. A massa é de chocolate e acompanha gostas de chocolate e recheio de doce de leite.

4. Ofner Red Velvet: O red velvet é um sabor de bolo que está super em alta e agora chegou ao mundo dos panetones! Nessa versão de 1kg, vendida por R$ 93,90, a massa é feita com corante vermelho, o recheio é de cream cheese e a cobertura é de chocolate branco.

5. Nestlé Frutas Especiais Damasco, Amêndoas e Chocolate Meio Amargo: Com conceito artesanal, a embalagem de 400g traz um panetone que mescla frutas, nuts e chocolate. O preço sugerido é de R$ 25,40.

Clique aqui e leia mais sobre GASTRONOMIA!

Ir para Post

Gastronomia

Bistrô Paris 6: o hype é real?

| 14 de outubro de 2018

Foto: www.acheiusa.com

Nessa edição do Restaurant Week (28/09 a 21/10), fomos provar alguns itens do cardápio famosíssimo do Paris 6. Todos os pratos recebem nomes de famosos, que costumam frequentar as unidades de São Paulo, Rio de Janeiro e mais outras cinco cidades brasileiras. A única unidade no exterior, localizada em Miami, fechou em julho deste ano. Mas e aí, será que o hype é real? Aqui, divido com vocês minha opinião (e a da minha família) sobre o Paris 6.

Restaurant Week é um festival gastronômico no qual os restaurantes participantes montam um cardápio especial com algumas opções de entrada, prato principal e sobremesa por um preço fixo. Nessa edição, o almoço sai por R$46,90 e o jantar custa R$58,90.

Entre as três opções de saladas como entrada, pedimos a Caprese. A apresentação era simples demais comparada ao padrão conhecido da casa. Veio um pedaço super pequeno de mussarela de búfala – e, no meu prato, ela nem veio.

Os pratos principais foram a melhor parte: todos estavam incríveis! Pedi um gnocchi de brie com molho de queijos e estava divino! Minha mãe fez a mesma escolha e também adorou. Meu pai preferiu um frango à parmeggiana gratinado com queijo emmental e meu irmão foi de picadinho de carne. Tudo estava delicioso, quente e muito bem servido.

Pra finalizar, sobremesas! O clássico do Paris 6 é o GrandGateau, um petit gateau com picolé disponível em mais de 40 versões. A opção do Restaurant Week era feito com banana picada, calda de creme de avelã, raspas de côco e picolé de cocada cremosa. Pro nosso paladar, é doce demais e acaba sendo enjoativo. Pedimos também o tradicional creme brulée, um creme de baunilha coberto com casquinha de açúcar queimado. O sabor estava bom, mas o creme poderia estar mais gelado e a casquinha mais quente.

No geral, foi uma experiência ótima levando em conta a qualidade da comida e o tamanho das porções. Saímos bem satisfeitos. Única coisa que vale a pena mencionar é o cardápio físico do Paris 6 no Restaurant Week: ele não existe. Frequentamos o festival há anos e esse foi o primeiro restaurante que pediu para acessarmos o cardápio em nosso próprio celular, em vez de fornecer um cardápio simples (e que é padrão do RW) com as opções para escolhermos. 

E você, já conhece o Paris 6? Gosta dos pratos servidos por lá? Me conta! 🙂

Ir para Post

Gastronomia

Onde comer bem nos Estados Unidos

| 22 de julho de 2018

Sua viagem aos Estados Unidos não precisa ter uma alimentação feita 100% em lanchonetes. É fato que os hambúrgueres ou as comidas prontas são muito populares por lá, mas existem várias opções deliciosas e saudáveis que agradam o paladar brasileiro. Se você procura restaurantes além do fast food americano, separei algumas opções que possuem uma boa variedade de cardápios e preços ótimos. Enjoy!

Red Lobster é super conhecido por servir frutos do mar a um preço justo. Apesar de ser especializado nesse tipo de culinária, – o próprio nome já entrega, até porque “lobster” significa lagosta – o restaurante tem diversas opções de pratos deliciosos, como carnes e massas. São mais de 700 unidades espalhadas tanto pelos Estados Unidos, como por outros dez países – inclusive Brasil! 

www.redlobster.com

A especialidade do Olive Garden são os pratos italianos, mas saiba que todas as comidas que provamos lá estavam ótimas. O restaurante costuma oferecer algumas versões de combinados, que podem incluir saladas e sopas a preços bem bacanas quando combinados com o prato principal. No geral, acredito que essa seja a melhor opção da lista: valor um pouco abaixo que os outros, comidas de excelente qualidade, tempo de espera inferior e ótimo serviço! 

www.olivegarden.com

Passar no The Cheesecake Factory é praticamente parada obrigatória! Sou fã do restaurante porque, além de ter pratos deliciosos, o preço é justo! Como o destaque do local são os clássicos cheesecakes, sugiro que compartilhem o prato principal (porque são bem servidos) e guardem um espacinho para essa sobremesa deliciosa! Tem um post completinho aqui no blog com mais informações, valores e fotos, para acessar é só clicar aqui

www.thecheesecakefactory.com

Apesar do nome, não se engane: o California Pizza Kitchen não fica apenas no golden state. Com estabelecimentos espalhados por todo os Estados Unidos, a rede ainda é pouco conhecida entre os brasileiros que vão viajar para lá. O que achei mais legal do restaurante são as opções combinadas. Pedi uma pizza individual de cogumelos que acompanhava uma saladinha deliciosa. Deu pra matar a vontade de comer pizza, mas balanceando com algo mais saudável.

www.cpk.com

Ir para Post

Gastronomia

Zé do Hamburguer: minha hamburgueria favorita em SP!

| 14 de junho de 2018

Já faz anos que provei as delícias do Zé do Hambúrguer pela primeira vez. Posso dizer que foi amor à primeira vista! Desde então, apesar de conhecer as mais diversas hamburguerias de São Paulo, acabo sempre voltando lá vez ou outra pra comer meus favoritos da casa. 

O ambiente é todo inspirado nos anos 50, então espere encontrar Elvis Presley tocando no jukebox e até mesmo uma réplica de um Ford 1951 em forma de mesa. São diversas opções de hambúrgueres, hot-dogs, milkshakes e porções no cardápio, sendo que os lanches levam nomes divertidíssimos, como “X-Vespa Burger”, “Rock n’ Roll” e “Cadillac”.

Um dos best-sellers da casa é o James Dean (foto acima), formado por hambúrguer de fraldinha, queijo, creme de cebola, farofa de bacon e maionese artesanal. Abaixo, outro destaque: o lanche Jukebox vem no pão australiano com hambúrguer, creme de cheddar, relish de pepino artesanal, bacon e maionese artesanal. Além disso, esse último ainda acompanha fritas. 

Outra opção bem bacana é montar seu próprio lanche com os ingredientes de sua escolha – mas, claro, inclua o apetitoso creme de queijo. Para acompanhar, vale a pena pedir as batatas rústicas com alecrim, que têm corte artesanal e são incrivelmente deliciosas. Se for dividir entre a família, peça também as clássicas onion rings artesanais (cebola empanada).

Fica aqui a indicação para vocês conhecerem o Zé do Hambúrguer e seus lanches deliciosos! O resturante fica em Perdizes, na Rua Itapicuru, 419.

Garanto que vão gostar 🙂

Ir para Post